Segurança de Canoas fecha mais um semestre com balanço positivo

A reunião trimestral do pleno do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGI-M) de Canoas, realizada nesta segunda-feira (16), apresentou um novo balanço dos números da segurança pública na cidade. Os seis primeiros meses de 2018 mostraram, mais uma vez, queda nos índices de criminalidade no município.

O resultado consta no mais recente relatório de indicadores criminais, elaborado pelo Observatório da Segurança Pública da Secretaria Municipal da Segurança Pública e Cidadania (SMSPC) de Canoas. Os números apontam redução nos índices de homicídios, furtos e roubos de veículo, se comparados ao mesmo período do ano passado.

De janeiro a junho de 2018, foram registradas 68 mortes violentas, que incluem homicídios, encontros de cadáveres com sinais de violência e mortes resultantes de confrontos com as forças de segurança. Comparado ao mesmo período de 2017, quando foram registradas 86 ocorrências deste tipo, houve uma redução de 20,9% neste índice de violência.

Com relação aos furtos de veículos, foram 341 casos na cidade durante o primeiro semestre do ano. Em 2017, no mesmo período, foram registradas 409 ocorrências, uma redução de 16,6%.

Analisando os dados de roubo de veículos, a redução foi ainda maior: 44,1% de queda. De janeiro a junho de 2017 foram 528 casos. Já no primeiro semestre de 2018 foram registrados 295 roubos de veículos, quase a metade em comparação ao ano passado.

Outro dado a ser comemorado é a não ocorrência de latrocínios (roubo seguido de morte) no primeiro semestre de 2017, totalizando 18 meses sem registros deste crime na cidade. O secretário da Segurança de Canoas, Alberto Rocha, ao analisar os números, destacou todos os esforços da administração municipal para que a redução destes índices seja ainda maior a longo prazo.

“O reforço na segurança pública da cidade é uma realidade. O resultado é visivelmente notado a cada balanço divulgado. Isso é fruto de um trabalho que tem como metodologia os 3 i’s: investimento, inteligência e integração. Temos controlado as estatísticas e trabalhamos para que os números diminuam cada vez mais”, pontua Alberto.

Na presença dos secretários, diretores e demais membros da administração municipal, além de representantes da Polícia Civil, Brigada Militar e Corpo de Bombeiros, o prefeito Luiz Carlos Busato, juntamente com a vice Gisele Uequed, acompanhou a apresentação e reforçou o objetivo das ações. “Desde o início da gestão, estamos fazendo um enorme investimento em segurança. Nossa intenção é fazer de Canoas um lugar diferenciado, transformar nosso município em uma das cidades mais seguras do país. Vamos potencializar o trabalho dos agentes de segurança, investindo desde novos rádios nas viaturas até avançados e modernos softwares de inteligência”, revela o prefeito.

Em outro momento da reunião do GGI-M, também foi apresentado um resumo do trabalho dos Centros de Prevenção às Violências (CPVs) e de dois projetos de prevenção executados nestes espaços, o Todo Jovem Importa e o Cuidando Trajetórias, que atuam com jovens em idade escolar, evadidos ou com risco de evasão da rede de ensino público.

Você pode gostar...