CANOAS: CIDADE TERÁ ESCOLA-CÍVICO MILITAR EM OUTUBRO

O deputado estadual Tenente Coronel Zucco (PSL), visitou o Diário de Canoas hoje para anunciar sobre o início do Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares no Município. A Escola Municipal de Ensino Fundamental Ícaro, localizada no bairro Fátima, será a primeira a receber o projeto, que deve iniciar em outubro. A previsão é que sejam instaladas mais três escolas nestes moldes até 2024. A prefeitura de Canoas assinou termo de intenção para adesão ao Programa ainda no início deste ano. A Escola Ícaro tem 18 turmas, do 1º ao 9º ano, e atende aproximadamente 400 estudantes. O deputado destacou o empenho do prefeito Jairo Jorge para trazer o projeto para a cidade. “De acordo com a Prefeitura, 90% dos pais apoiam a proposta para a Escola Ícaro e já há interesse de outras famílias em matricular as crianças”, informou. Zucco explica que o Programa adota moldes parecidos com o dos colégios militares. “Os monitores que trabalharão junto ao corpo docente da escola são da Polícia Militar do Exército (PME), da reserva”, ressalta. Ele lembra que, antes de iniciarem o trabalho, os monitores devem passar por curso preparatório na Academia Militar, que acontece em setembro. Participação familiar Segundo o deputado, a proposta das escolas cívico-militares, é trabalhar temas como autoestima, organização, disciplina e trazer a sensação de segurança para dentro do colégio. “A intenção é também trazer as famílias para participarem da vida escolar de suas crianças”, argumenta. Currículo não muda Zucco reforça que a grade curricular das escolas públicas permanece a mesma. “Não há nenhuma interferência nas questões pedagógicas. Todas as matérias continuam normalmente”, salienta. Segundo o deputado, o projeto prevê a atuação de um monitor a cada 90 estudantes, no máximo. “Os monitores terão a função de auxiliar os professores”, destaca Zucco.

Você pode gostar...