Congresso MOVERGS apresenta radiografia da Indústria de Móveis no Brasil

Economista, com especialização em Marketing Estratégico, Marcelo Prado será o primeiro palestrante a se apresentar no 27º Congresso MOVERGS, que acontecerá em julho, na cidade de Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul.

Marcelo Prado será um dos destaques do 27º Congresso MOVERGS. Crédito: Divulgação MOVERGS.  

Sócio-diretor da empresa IEMI – Inteligência de Mercado, o executivo vai ministrar a palestra “Mercado de Móveis no Brasil – Os Desafios da Retomada na Oferta e no Consumo”. 

Utilizando sua experiência de mais de 26 anos no desenvolvimento de projetos e assessoria mercadológica, Prado fará um breve panorama do mercado e da indústria de móveis no Brasil e no mundo. 

Durante sua explanação, mostrará o desempenho e as perspectivas para o varejo e o consumo de móveis brasileiro, o comportamento de compra dos consumidores pré e pós-crise, analisando as mudanças de decisões diante do cenário econômico, além dos desafios para reconstruir valor pelas marcas e as opções para largar na frente na retomada. 

De acordo com Prado, que tem o objetivo de informar e inspirar o público do Congresso a pensar diferente, o mercado de móveis no Brasil é grande o suficiente para não caber no “buraco” da crise. “A resposta aos anseios dos consumidores não está no “preço mais baixo” e sim na capacidade de inovar e encantar os clientes da marca”, destaca o executivo, que já atuou como consultor da ONU e atua também como assessor de entidades empresariais e colunista de revistas especializadas.

O 27º Congresso MOVERGS terá como tema principal a “Transformação”. O evento – que acontece no dia 13 de julho, das 7h30min às 15h, no Salão Malbec, do Dall’Onder Grande Hotel – visa reunir os profissionais da cadeia produtiva para atualizar conhecimentos, reciclar práticas e ter acesso a novas informações.

A realização é da Associação das Indústrias de Móveis do Estado do Rio Grande do Sul – MOVERGS, e o patrocínio da Homag, Kulkote, Sayerlack, Fiergs, Banco do Brasil e Governo Federal.

Os interessados podem obter mais informações e realizar a inscrição no sitewww.movergs.com.br/congresso, até 4 de julho. Associados da entidade e expositores da FIMMA Brasil terão valores especiais.

MOVERGS 

Com mais de 30 anos de atuação, a MOVERGS representa mais de 2.700 indústrias moveleiras no Estado, e tem como lema “unir para fortalecer, renovar para crescer”. Em 2016, somente em Bento Gonçalves, o setor moveleiro faturou R$ 1,81 bilhões entre, aproximadamente, 300 empresas do segmento. A indústria totaliza no município 300 empresas e 6,44 mil empregos gerados. Dentro da indústria de transformação, a área moveleira é a que mais emprega. É, portanto, de significativa contribuição para o desenvolvimento econômico e social da cidade que é um dos principais polos do segmento no Brasil.

O Rio Grande do Sul tem, atualmente, mais de 2,7 mil empresas moveleiras, que respondem por 19% do total de móveis fabricados no Brasil. No ano passado, as indústrias de móveis e colchões faturaram R$ 10 bilhões e exportaram US$ 178,8 milhões, e os principais mercados foram Reino Unido, Uruguai, Peru, Estados Unidos da América, Chile e Argentina. Também foram responsáveis pela geração de mais de 38 mil empregos. Tais indicadores demonstram o quão representativo é o segmento no contexto da economia gaúcha, tanto pela geração de renda e tributos, quanto de postos de trabalho.

Você pode gostar...