CUIDADOS SANITÁRIOS: ELEIÇÕES TERÃO HORÁRIO AMPLIADO EM 1 HORA PARA EVITAR AGLOMERAÇÕES

A quinta reportagem da série Cuidados Sanitários, produzida pela Assessoria de Comunicação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mostra que as Eleições Municipais de 2020 terão mais tempo de votação e prioridade para os eleitores mais velhos em determinado período.

O horário de votação será das 7h às 17h, considerando sempre o horário local. As primeiras três horas, das 7h às 10h, serão preferenciais para pessoas acima de 60 anos, que fazem parte do chamado grupo de risco para o novo coronavírus.

Assista ao vídeo da TV TSE.

A intenção é garantir mais tempo para que eleitores votem com segurança, evitar aglomerações no dia da votação e distribuir melhor o fluxo de pessoas nos locais de votação.

O horário foi definido com a ajuda de uma consultoria técnica, que envolveu matemáticos e sanitaristas, e vale tanto para o primeiro turno do pleito, no dia 15 de novembro, quanto para o segundo, no dia 29 do mesmo mês, onde houver. Quase 148 milhões de eleitores estão aptos a participar das Eleições Municipais.

O TSE conta com a compreensão dos eleitores que não se encontram na faixa etária de risco para não irem votar nessas horas iniciais, caso possível. Eventuais acompanhantes ou outros eleitores com idade inferior a 60 anos que cheguem aos locais de votação nesse período não serão impedidos de votar, mas deverão aguardar, respeitando a preferência para os mais velhos.

Será obrigatório o uso de máscara facial pelo eleitor, para que possa entrar e permanecer na seção eleitoral. A medida também vale para os mesários, que, além das máscaras, utilizarão face shields (protetores faciais).

A série Cuidados Sanitários foi preparada pela Assessoria de Comunicação do TSE para deixar o cidadão bem informado sobre o assunto, uma vez que as Eleições Municipais 2020 acontecerão no contexto da pandemia de Covid-19.

TSE

Você pode gostar...