Empresa canoense testa sistema de leitura de placas de veículos

Está em fase de teste uma câmera de videomonitoramento que possibilita a identificação de placas de carros em Canoas. O sistema desenvolvido pela empresa canoense Teltex permite identificar se os veículos são furtados ou roubados. O programa é semelhante ao que será utilizado no cercamento eletrônico da cidade. Em um primeiro momento, o equipamento está instalado na avenida Victor Barreto.

O secretário adjunto da Segurança e Cidadania, major Alberto Rocha, destaca que, nesta fase, está sendo testado o funcionamento da comunicação do sistema com o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC). “É uma empresa que está disponibilizando ao município para teste uma tecnologia nova que estão desenvolvendo”, comenta.

O major Alberto ressalta o fato do equipamento ter como único objetivo a segurança, por meio da identificação de veículos furtados ou roubados. Salienta que a meta não é a cobrança de multas, como de Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) vencido, por exemplo.

Cercamento eletrônico

Até o próximo ano, serão investidos cerca de R$ 970 mil, oriundos de emendas da bancada federal gaúcha no Congresso, em um sistema de cercamento eletrônico em 22 pontos do município. O projeto visa aumentar a vigilância nas 14 áreas limítrofes com outros municípios e em oito pontos de maior movimentação dentro da cidade.

Você pode gostar...