Pensando em trabalhar fora? Veja os melhores países para expatriados

Morar e trabalhar fora é sonho de muita gente. Mas apesar de ser uma perspectiva positiva e que pode trazer inúmeras oportunidades para sua carreira, escolher um país para morar não é tarefa fácil. Sabendo disso, o banco HSBC faz uma pesquisa anual apontando quais são os melhores países para expatriados – considerando tanto aspectos relacionados à carreira quanto à qualidade de vida e experiência.

Mais de 26 mil expatriados participaram do estudo, respondendo a perguntas sobre suas carreiras e sobre suas vidas.

Pelo segundo ano consecutivo, a Suíça ficou em primeiro lugar na pesquisa, “combinando os melhores perspectivas salariais com um bom equilíbrio entre trabalho e vida, além de uma excelente cultura de trabalho”, diz o HSBC. A média anual de salário para expatriados é de US$ 188.275 (R$ 653.314) por ano, mais do que o dobro da média global, de US$ 97.419 (R$ 338.044). Além disso, 69% dos expatriados que moram na Suíça observam uma melhora no equilíbrio entre trabalho e vida. Aproximadamente dois terços deles também afirmaram que a cultura corporativa é melhor do que aquela que tinham em seu país de origem.

No topo da lista, aparecem mais dois países europeus: Alemanha, na segunda colocação, e Suécia, em terceiro lugar. Segundo o responsável pela pesquisa HSBC Expat, Dean Blackburn, “a Europa engloba países entre os melhores destinos para uma carreira de sucesso para expatriados. Seis países europeus estão entre os dez primeiros e são reconhecidos por forte cultura de trabalho, bom equilíbrio entre vida e trabalho e têm relativa segurança no emprego.”

Confira a lista:

Colocação País
1 Suíça
2 Alemanha
3 Suécia
4 Emirados Árabes Unidos
5 Noruega
6 Cingapura
7 Áustria
8 Hong Kong
9 Reino Unido
10 Bahrain

Você pode gostar...