PIONEIRA, CANOAS INSTITUI PLANO MUNICIPAL DA JUVENTUDE

Visando estimular a participação dos jovens no desenvolvimento do município, com olhos para políticas públicas universais que contemplem os direitos desta fatia dos cidadãos, a Prefeitura de Canoas instituiu o Plano Municipal da Juventude (PMJ). Embora a criação do documento seja instruída pelo Sistema Nacional da Juventude, do governo federal, a cidade saiu na frente com a elaboração do PMJ. Isso porquê, mesmo sendo obrigatório, poucos municípios já possuem o documento e mesmo a versão nacional ainda está em tramitação no Congresso.

A elaboração foi resultado da união de esforços da Diretoria da Juventude, da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Participação Social (SMDHPS), e representantes de diversas outras áreas do poder público junto à sociedade civil. O documento tem como base 11 eixos: cidadania, participação social, política e representação juvenil; educação; profissionalização, trabalho e renda; diversidade e igualdade; saúde; cultura; comunicação e liberdade de expressão; esporte e lazer; território e mobilidade; sustentabilidade e meio ambiente; segurança pública e acesso à justiça. A revisão final foi feita pelo Conselho Municipal da Juventude.

Segundo o diretor da Juventude, Cássio Abreu, o conteúdo do plano passará por revisões periódicas. “O PMJ oferece um planejamento decenal, que prevê avaliações a serem realizadas durante as conferências municipais que ocorrerem ao longo dos próximos dez anos”, explica.

PREFEITURA CANOAS

Você pode gostar...